Getrak

Notícias
Entre em contato com um de nossos consultores (31) 3324-5710
Entre em contato com nosso suporte no telefone (31) 3500-3200

A Getrak, empresa mineira de desenvolvimento de softwares para rastreamento veicular, possui 10 sólidos anos de mercado e vê seu crescimento mostrar resultados expressivos. Em 2013, houve incremento de 70%  na comparação com o exercício imediatamente anterior, história que pretende repetir em 2014. Isso aqui no Brasil, porque no exterior a meta é atingir 120% em comparação a 2013. Para isso, a Getrak está atrás de novos clientes.

A primeira busca aconteceu na FASTEC, em Salvador, onde a empresa participou apresentando um simulador de mercado que permite aos empresários gerar uma estimativa de faturamento e lucro líquido, caso ele insira a operação do rastreamento na empresa.  O intuito era mostrar o crescimento possível de alcançar entrando para esse ramo de rastreamento veicular. Segundo Frederico Menegatti, CEO da Getrak, abrir e operar uma central de rastreamento custa menos de R$ 10 mil para esses empresários, e inserir essa operação no portfólio pode incrementar entre 20% e 50% o faturamento deles.

Menegatti também enfatiza que as empresas podem ir além e oferecer, através do software da Getrak, muitas outras possibilidades de serviços para fidelizar clientes, como o rastreamento pessoal e de cargas, a gestão de equipe em campo, telemetria e gestão da frota  via smartphones e tablets. "Nós somos focados em tecnologia,  gerando o máximo de inovação e valor agregado para os clientes. Com isso, nós conquistamos mais clientes, e aqueles que já estão em nossa carteira crescem ainda mais", explica.

Para que investir em prospecções, quando pesa muito menos no bolso fidelizar clientes? Apesar de compreender esse raciocínio, muitas empresas do setor em crescimento de segurança eletrônica não têm tempo para gerir seus clientes a ponto de expandir o leque de serviços. Pensando nisso, a Getrak – líder de mercado no desenvolvimento de tecnologia web para rastreamento e monitoramento veicular – desenvolveu o “Simulador de Mercado”, um instrumento criado para mostrar a esses empresários quais lacunas não são atendidas pela empresa e o quanto ela pode crescer se investir em novas plataformas de rastreamento. "O aumento de receita vai depender do quanto a empresa pode investir.

Identificamos mercado até para dobrarem o seu faturamento", ressalta André Saliba, diretor comercial da Getrak.

Para conhecer esse simulador, basta comparecer à 1ª edição da Feira e Congresso de Segurança Eletrônica (FASTSEC), onde ele será apresentado entre os dias 27 e 28 de março, no Centro de Convenções da Bahia (Salvador).  O uso da tecnologia mais assertiva também influencia em quantos % de lucro a empresa ganha. "Temos clientes que utilizavam softwares que limitavam a sua operação e atingiram um crescimento de 30% apenas mudando a ferramenta. Estamos falando de, por exemplo, uma empresa que monitorava 900 carros e hoje monitora 7.500", conta Saliba.

 

Atualmente, vivemos em uma era em que tudo está conectado. Por isso, programas e plataformas criados para funcionar apenas em computadores estão fadados a serem incompletos: é preciso acompanhar as evoluções tecnológicas. E a empresa mineira Getrak, que atua há mais de 8 anos no desenvolvimento de tecnologia web para rastreamento e monitoramento veicular, sabe muito bem disso. Com uma base de 200 mil veículos, a Getrak inova mais uma vez ao apresentar um software de rastreamento pessoal via smartphone que oferece maior controle logístico para os usuários.

"Muito além do rastreamento de um bem, passamos a oferecer uma união de ferramentas e soluções que, integradas, auxiliam e gerenciam todo o controle logístico de equipes em campo, com acompanhamento em tempo real de quando e como tarefas e rotas estão sendo cumpridas em campo”, conta André Saliba, diretor comercial da Getrak. Com o objetivo de oferecer aos clientes mais qualidade, segurança e, claro, tecnologia, esse novo software faz parte do plano de investimentos da empresa, que prevê R$ 6 milhões nos próximos anos. Além disso, ele inclui a instalação de um novo data center, ponto que corrobora para a plataforma Getrak ampliar ainda mais a integração com dispositivos móveis, aumentando a velocidade e segurança dos dados monitorados.   

A parceria entre a Ifaseg, a seguradora australiana QBE e a mineira Getrak rendeu bons frutos. Afinal, é dela que nasceu o lançamento de um seguro veicular para frotas de pequenas e médias empresas de rastreamento, específico para roubo e furto de veículos de passeios, com cobertura nacional e assistência 24h.

Frederico Menegatti, diretor-executivo da Getrak, destaca que "o produto é inovador, pois vai atender uma demanda  alta nesse nicho de mercado. Os clientes que pagam para rastrear a frota desejam também garantir a segurança do bem, e outras seguradoras não bancam esse produto para esses perfis de empresas”. O seguro, além de cobrir perda total por danos ao veículo recuperado, pode ser contratado individualmente, com um custo-benefício atrativo: a partir de R$ 31 mensais.

"O valor pode ser dividido em até 12 vezes, a contratação dispensa análise de perfil do condutor, análise de crédito e o seguro é válido para veículos com até 15 anos de fabricação, independente da marca e do modelo", explica Waldir de Menezes, sócio-proprietário da Ifaseg.

 

Em uma grande parceria com a paulista Interface Seguros (Ifaseg) e com a seguradora australiana QBE, a Getrak lança com exclusividade um seguro veicular com rastreamento para o consumidor final, específico para roubo e furto de veículo de passeio, com cobertura nacional e assistência 24 horas.

Apesar de não cobrir acidentes, a perda total por danos ao veículo recuperado após o roubo está incluído no seguro, com custos a partir de R$ 31 mensais – proporcional ao valor do carro na tabela Fipe. O novo produto chega para atender uma demanda de mercado que vem crescendo nos últimos anos, com um produto que se encaixa dentro do orçamento da maioria das pessoas. E, ainda, pode ser contratado por pequenas e médias empresas de segurança que utilizam a plataforma de rastreamento veicular da Getrak. Para integrar as informações do seguro ao software de rastreamento da Getrak, foi desenvolvido um sistema mais sofisticado para gerenciamento de risco, o drive behavior: uma base de dados de informações colaborativas de furto e roubo de veículos para aumentar ainda mais a segurança dos bens.

Waldir de Menezes, sócio-proprietário da Ifaseg, diz que a contratação não requer análise de perfil do condutor e de crédito. O seguro é válido para veículos com até 15 anos de fabricação, independente da marca e do modelo. 

A mineira Getrak, referência internacional em tecnologia e infraestrutura para carros conectados e IoT, participa do repet nos dias 1 e 2 de setembro, na cidade americana de Chicago. O evento conhecido mundialmente é o maior dedicado à tecnologia e à inovação do mercado de seguro veicular e contará com gigantes do setor, como a QBE, Metlife e Mapfre.

 A Getrak é responsável pela maior base de veículos rastreados da América Latina e é uma das maiores em Big Data desse segmento em todo o mundo. Ao todo, são 250 mil veículos cadastrados, 330 empresas de telemetria e rastreamento e 19 bilhões de registros on-line. 

Em uma grande parceria com a paulista Interface Seguros (Ifaseg) e com a seguradora australiana QBE, a Getrak lança com exclusividade um seguro veicular com rastreamento para o consumidor final, específico para roubo e furto de veículo de passeio, com cobertura nacional e assistência 24 horas.

Apesar de não cobrir acidentes, a perda total por danos ao veículo recuperado após o roubo está incluído no seguro, com custos a partir de R$ 31 mensais – proporcional ao valor do carro na tabela Fipe. O novo produto chega para atender uma demanda de mercado que vem crescendo nos últimos anos, com um produto que se encaixa dentro do orçamento da maioria das pessoas. E, ainda, pode ser contratado por pequenas e médias empresas de segurança que utilizam a plataforma de rastreamento veicular da Getrak. Para integrar as informações do seguro ao software de rastreamento da Getrak, foi desenvolvido um sistema mais sofisticado para gerenciamento de risco, o drive behavior: uma base de dados de informações colaborativas de furto e roubo de veículos para aumentar ainda mais a segurança dos bens.

Waldir de Menezes, sócio-proprietário da Ifaseg, diz que a contratação não requer análise de perfil do condutor e de crédito. O seguro é válido para veículos com até 15 anos de fabricação, independente da marca e do modelo. 

O mês de outubro ganhará um evento internacional sobre tendências na área de tecnologia e inovação para o mercado de automóveis, abrangendo plataformas avançadas de telemática, modelos de negócios e conectividade e serviços de valor agregado. Trata-se do Telematics Brazil & LATAM 2015, que acontecerá nos dias 19 e 20. A mineira Getrak, que fornece mundialmente tecnologia para carros conectados e IoT, vai marcar presença: segundo o seu CEO, Frederico Menegatti, o evento vai contar com nomes de gigantes do setor automotivo e do segmento de telemática e apontar caminhos, tendências e inovações.

A Getrak já disponibiliza há10 anos plataformas e soluções para o mercado de segurança e telemetria veicular com instalação e aplicativos para smartphones. Dessa forma, montadoras e concessiorárias podem estreitar seu relacionamento com os proprietários, aumentando o valor percebido no produto, bem como fidelizando os clientes. Afinal, tecnologias para carros conectados coletam informações e possibilitam toda uma interação com os veículos em campo, 100% on-line. 

A Getrak, com infraestrutura para Carros Conectados e IoT, é responsável por uma das maiores bases de veículos rastreados da América Latina, com mais de 200.000 itens contratados e 19 bilhões de registros on-line em todo o mundo.